É tão difícil assim escrever “Feito em Cuba”?

Publicado por Dicas sobre CUBA em

folha de sp cuba

É tão difícil assim escrever “Feito em Cuba”?

secretária são paulo
Fonte: Veja São Paulo

Ainda que possam representar a possibilidade de salvar milhares de vidas, as conquistas da medicina cubana seguem sendo tabu para a mídia brasileira.

Nos últimos dias, foi noticiado que Marta Suplicy, secretária de Relações Internacionais da prefeitura de São Paulo, abriu negociações com o governo cubano para a compra da vacina Soberana II, que se encontra na última fase de testes clínicos e tem previsão para ser aplicada em massa na população de Cuba a partir de maio.

vacina cubana
Fonte: BBC Brasil

Em entrevista com a Veja, Suplicy destacou que a OPAS (Organização Pan-Americana de Saúde) avaliou essa vacina como sendo de excelência e ainda relembrou a tradição cubana na produção de vacinas, enfatizando que a primeira contra a hepatite aprovada pela OMS (Organização Mundial de Saúde) foi desenvolvida em Cuba.

No entanto, como demonstra a publicação da notícia na Folha de São Paulo (foto), os grandes veículos midiáticos do Brasil ainda se recusam a conferir destaque às conquistas da medicina cubana. No dia 29/4, o título da matéria que relata as negociações entre a prefeitura e o governo cubano consta como “Made in Caribe”, não esclarecendo logo na manchete o fato da vacina ser produzida por Cuba. 

Contudo, não conseguimos imaginar a mesma situação com o título “Made in América”, caso a vacina fosse desenvolvida no Canadá, ou “Made in Europa”, caso fosse na Alemanha.

folha de sp cuba
Fonte: Folha de São Paulo

De modo inverso, na semana anterior, no editorial publicado no dia 21/4 “Nuances da Ditadura”, a Folha não se acanhou ao apresentar Cuba como um regime ditatorial e economicamente ineficiente, qualificando como “moroso” o processo de sucessão política representado pela saída de Raúl Castro e a nomeação do atual presidente, Miguel Díaz-Canel para o cargo de primeiro secretário do Comitê Central do partido.

Além do trabalho que realizamos no turismo, organizando as Viagens Culturais à ilha, desde o início, um dos principais objetivos que impulsionaram a criação da Dicas sobre Cuba foi o desejo de aproximar brasileiros e cubanos a partir da produção de conteúdo objetivo sobre a ilha, uma vez que o país é constantemente retratado pelo viés negativo pela mídia nacional.

Portanto, expressamos nosso descontentamento com as contínuas tentativas de esconder as realizações exitosas de Cuba pela mídia e, novamente, fortalecemos nosso comprometimento em trazer aos brasileiros e brasileiras um viés mais realista e responsável sobre a ilha, enfatizando também suas qualidades e conquistas.

Atualmente, Cuba desenvolve cinco vacinas contra a Covid-19, sendo a Soberana II a mais avançada nos estágios de testes. De acordo com A BBC Brasil, ela “soma a toxina do tétano à proteína com a qual o vírus invade as células humanas, em uma dosagem segura para que não cause uma infecção real”.

Artigos citados: 

https://www.bbc.com/portuguese/geral-56598852

https://vejasp.abril.com.br/cidades/cidade-de-sao-paulo-entrou-na-fila-por-vacina-de-cuba-diz-marta-suplicy/

https://www1.folha.uol.com.br/opiniao/2021/04/nuances-da-ditadura.shtml

Categorias: Vacina

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *