5 dicas de restaurantes em Havana

Published by Dicas sobre Cuba on

Nossa editora, Ticiana Amaral, acaba de retornar de Cuba e traz dicas e informações quentinhas de cultura, turismo, política, gastronomia e diversos outros tópicos relacionados à ilha. 

Neste post, apresentamos cinco indicações de restaurantes deliciosos em Havana. As indicações têm como base não apenas a qualidade dos pratos, mas também do atendimento prestado, decoração, ambiente e a relação custo/benefício. 

Confira abaixo os atuais 5 favoritos da nossa editora:

.

MAS Habana

Calle Habana, 308, entre San Juan de Dios e O´Reilly

O MAS não se encontra nas ruas principais de Habana Vieja, mas está muito acessível a partir delas (é uma travessa da Obispo). O ambiente é amplo, fresco e bem decorado, pendendo para um estilo um pouco mais minimalista em comparação aos ambientes ultra coloridos muito comuns na cidade. O cardápio conta com uma variedade de pescados e carnes, massas e guarnições diversas. O pollo da casa com vegetais refogados estava muito saboroso e a apresentação do prato também é digna de menção.

.

.

D´Next

Calle Teniente Rey (Brasil), 512, esquina com Bélgica

Extremamente fácil de encontrar, pois situa-se na Calle Teniente Rey (Brasil), rua de frente ao Capitolio Nacional de Cuba,  o que mais chama a atenção em relação ao restaurante é a decoração peculiar: uma espécie de adaptação das lanchonetes clássicas estadounidenses para o estilo super colorido do Caribe. Os banquinhos acolchoados, o balcão comprido de frente à entrada do estabelecimento, o uniforme das garçonetes e outros detalhes lembram as lanchonetes típicas dos filmes gringos, mas a decoração mega colorida, o reggaeton nas televisões e, é claro, os mojitos servidos, conferem uma vibe cubana ao ambiente. O cardápio é muito variado, contando com frutos do mar, pizzas, massas, fast food e outros. Também serve cafés diversos e coquetéis. 

.

.

D´Lirios

Paseo de Martí (Prado), 563, entre Dragones e Teniente Rey

Situado em frente ao Capitólio, em uma das principais avenidas da cidade, esse restaurante definitivamente com um estilo mais “clássico” de decoração e ambiente, pois situa-se numa construção antiga e mantém aquele estilo “chique” anos 20 ou 30.

.

.

Aqui também o cardápio é muito variado, mas o local acaba sendo mais conhecido por seus frutos do mar. Dois pontos positivos adicionais: tem música ao vivo durante algumas horas e, no final da refeição, você ganha de presente um Lírio dos garçons (o que a editora achou muito fofo!).

.

.

BEMBÉS tapas & bar

Calle Amistad 378, esquina com Barcelona

Pequeno e aconchegante, este pequeno restaurante/snack bar encontra-se um pouco escondido, mas está muito acessível a partir dos principais pontos turísticos da cidade -uma quadra somente atrás do capitólio-. A decoração é bem mais minimalista e, como o restaurante não consta em uma das ruas particularmente muito frequentadas por turistas, o local é mais calmo e o atendimento mais personalizado. Ainda assim a ropa vieja estava excelente, tanto no sabor quanto na apresentação. O cardápio ainda tem outras opções de pratos com carnes diversas e snacks como tacos e nachos.

.

.

El Chanchullero

Calle Teniente Rey (Brasil),  457, entre Bernaza e El Cristo

Para fechar com chave de ouro, o atual queridinho da editora da página: El Chanchullero. Também situado na Teniente Rey, esse bar/restaurante possui uma entrada bem discreta que contrasta com o interior de três andares, terraço e uma decoração muito bem pensada, baseada em uma temática satírica em relação a peculiaridades políticas, sociais ou certos “clichês” do turismo em Cuba. Por exemplo, o cardápio está disposto no formato de uma Constituição da República (o que espanta quando você olha de primeira e ainda não entendeu a brincadeira), cartazes dispostos nas paredes jogam com logos e símbolos típicos das propagandas comunistas e capitalistas. Tem um que diz “Hemingway nunca esteve aqui” para “tirar um sarro” dos bares lotados de turistas que procuram provar um pouquinho dos estabelecimentos frequentados pelo escritor mundialmente conhecido.

.

.

A comida e os coquetéis são saborosos e também variados. As porções são bem servidas e já incluem guarnição. Em uma das ocasiões, quando não estava com muita fome, a editora solicitou que o atendente não trouxesse a guarnição de arroz congri. Preocupado que a comida não fosse suficiente, ele inovou colocando uns biscoitinhos salgados (muy amable!).

.

E você, qual seu restaurante preferido em Havana? Conte-nos o porquê 😉

Categories: onde comer

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *