O Primeiro-Ministro de Cuba

O novo Primeiro-Ministro de Cuba

Em 21 de dezembro, seguido à proposta do Presidente da República e da aprovação pela Assembléia Nacional do Poder Popular em sessão ordinária  do IX Legislativo, Manuel Marrero Cruz tornou-se o primeiro-ministro de Cuba.

Após 44 anos o governo de Cuba volta a contar com o cargo. Manuel Marrero Cruz assume a posição em 2020 para o mandato de cinco anos, conforme determinado pela nova Constituição do país, aprovada em abril de 2019.

 

Manuel Marrero Cruz

Ao apresentar sua indicação, Miguel Díaz-Canel, presidente da República de Cuba, destacou que Cruz era Ministro do Turismo no país há quase 17 anos. Díaz-Canel também lembrou a trajetória do primeiro-ministro no setor turístico, tendo ascendido paulatinamente da base até a presidência do grupo hoteleiro Gaviota e ao cargo de ministro. Cruz não fazia parte do Comitê Central do Partido Comunista. 

.

primeiro ministro de cuba

Foto: La Razón

.

O presidente também ponderou perante os deputados a rica experiência de  Cruz nas negociações com colegas estrangeiros e participação em eventos internacionais, "demonstrando sua capacidade, firmeza e capacidade de interlocução".

A escolha do primeiro-ministro aponta para a continuidade e mesmo aprofundamento do modelo de desenvolvimento econômico ancorado no turismo. É fundamental para o setor que haja mais investimentos e diversificação dos negócios com países e empresas no exterior. A escolha de um quadro técnico para o cargo beneficia o trabalho de coordenação dos demais ministros e outros funcionários do governo em assuntos relacionados a esse domínio. 

.

.

Turismo em Cuba

Cabe destacar que o turismo é o principal gerador de divisas para o país. Ou seja, grande parte das necessidades de geração de empregos e de receitas para importar são supridas pelo setor. Na última década o número de turistas em Cuba cresceu exponencialmente e Cruz esteve na liderança do Ministério do Turismo durante esse processo.

Durante a sessão, também foram aprovados pelos deputados 26 ministros e vice-primeiros-ministros, alguns renovando seus mandatos e outros assumindo o cargo pela primeira vez em 2020.

Deixe um comentário

WhatsApp Contato por WhatsApp