Visto e Documentos

VISTO E DOCUMENTOS

.

 

Os três documentos essenciais para viajar

Para viajar você precisa de um passaporte válido, o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia, emitido pela ANVISA, e o visto cubano.

 

Passaporte

O passaporte é feito no Brasil pela Polícia Federal, mediante pagamento de taxa administrativa e agendamento da entrega de documentos. Planeje com antecedência a emissão ou renovação do passaporte, pois o documento leva um determinado tempo para ser emitido.

Caso não possua passaporte, você deve entrar no site da Polícia Federal, meses antes da viagem e fazer uma solicitação em: https://servicos.dpf.gov.br/sinpa/inicializacaoSolicitacao.do?dispatch=inicializarSolicitacaoPassaporte

.

polícia federal passaporte

Print do da página de solicitação de passaporte da Polícia Federal

.

.

Visto

Obter o visto para Cuba é bastante simples. Na verdade, o visto é a tarjeta del turista vendida pela própria companhia aérea na conexão do voo, tanto para quem viaja através da Copa Airlines quanto para quem vai de Latam.

Atenção! Os funcionários da Latam e da Copa no Brasil são instruídos a informar que as empresas não vendem o visto, o que não é verdade. É possível sim adquirir o visto na conexão. Mesmo assim, as cias indicam que os passageiros solicitem o documento através de um dos consulados de Cuba no Brasil. Caso prefira adquirir o visto pela companhia, o que acaba sendo muito mais prático, busque o contato da central de atendimento ao cliente e insista para saber a informação atualizada sobre a quanto está sendo vendido o visto na conexão.

Veja mais informações sobre voos para Cuba.

Importante: o pagamento é em dinheiro e, embora a melhor opção seja levar EUROS na sua viagem a Cuba, o visto é comprado com dólares americanos.

O visto é valido para uma entrada e por 30 dias, prorrogáveis por mais 30, perante as autoridades de imigração em Cuba. Cuidado para não perdê-lo, pois você deverá apresentá-lo na saída do país.

Outra alternativa para solicitar o visto de turismo ou, caso viaje a negócios, é entrar em contato com as representações diplomáticas de Cuba no Brasil para saber como adquiri-lo.

Confira aqui a lista das representações diplomáticas de Cuba no Brasil.

 

Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia

Na hora de fazer check-in e despachar bagagem no balcão da companhia aérea, ainda no Brasil, será solicitada a apresentação do passaporte, acompanhado do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia, que deve comprovar que você está vacinado contra a febre amarela. O certificado é expedido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

.

A vacina contra febre amarela deve ser tomada 10 dias antes da data de embarque.

.

Desde de 7/2/17, Cuba exige o Certificado Internacional de Vacinação contra a febre amarela de viajantes procedentes do Brasil. O Ministério da Saúde de Cuba desenvolve um rígido controle epidemiológico, o turista que não estiver vacinado não entrará no país. O último caso reportado de febre amarela na ilha foi em 1909.

Quem já tomou a vacina e ainda não tem a carteira internacional, deve procurar a ANVISA para emitir o modelo internacional (amarelo).

Atenção: a vacina deve ser tomada com uma antecedência mínima de 10 dias antes da viagem, o tempo que leva para ela começar a fazer efeito no organismo. Quem tomar a vacina com menos tempo pode enfrentar dificuldades para entrar em Cuba.

Existem pessoas que não podem tomar a vacina contra a febre amarela. Nesse caso é necessário solicitar perante a ANVISA um atestado de isenção da vacina, somente assim você não terá problemas no embarque.

Dica: a ANVISA está presente nos aeroportos internacionais brasileiros. Você também pode fazer o pedido online. Entre no site da Anvisa para saber como:
http://portal.anvisa.gov.br/certificado-internacional-de-vacinacao-ou-profilaxia

.

Seguro saúde

Não é obrigatória a contratação de seguro saúde para entrar em Cuba. Contudo, a assistência médica prestada aos estrangeiros que não tenham apólice de seguro será cobrada. Em regra, a consulta custa em torno de 30 CUC. Para viagens internacionais, sempre é aconselhável contratar um seguro-saúde. Quem viajar por conta própria, deve sempre lembrar de questionar a empresa que emite o seguro se este possui cobertura em Cuba.

.

.

Clínica Central Cira Garcia

Em caso de emergência, os turistas devem procurar a Clínica Central Cira García, na Calle 20 # 4101, esquina com Avenida 41, em Miramar, Havana. Os hotéis em Varadero e nos Cayos têm clínica internacional, destinada a prestar assistência médica aos turistas.

 

Dinheiro

CUC e CUP

Cuba tem duas moedas: o peso convertible (CUC) e o peso cubano (CUP), a chamada moneda nacional. Entre os turistas circula o CUC e nos lugares populares e típicos do povo cubano, o CUP.

Equivalência: 1 CUC = 24 CUP.

Camilo Cienfuego. 20 Pesos Cubanos (CUP).

 

Euro ou Dólar?

As transações financeiras dos turistas são feitas em CUC, os pesos convertibles. A melhor opção ao viajar para Cuba é levar Euro €. O turista que viajar com dólares americanos perderá dinheiro ao trocar na casa de câmbio.

1 US$ = 0,87 CUC (cotação fixa)                1 EURO = 1,14 CUC (cotação variável)

Para calcular os preços em reais, tenha em mente que 1 CUC é mais ou menos 0,90 de EUROS.

.

As notas de pesos convertibles (CUC).

 

Atenção ao receber troco!!! Se você pagar em CUC (pesos convertibles), exija o troco em CUC. Alguns "se confundem" e dão o troco em pesos cubanos (CUP), a moeda nacional, que vale bem menos. Em Cuba não existe violência, assalto com armas, mas alguns podem se aproveitar e aplicar pequenos golpes nos turistas.

 

CADECA

As casas de câmbio chamam-se CADECA. Você encontrará fácil uma para trocar seu dinheiro (Euro) por CUC. Para saber onde fica a CADECA mais próxima, pergunte: Donde se encuentra la CADECA más cercana?

.

CADECA são as casas de câmbio cubanas.

 

As CADECAs do Aeroporto Internacional José Martí ficam na parte externa, na saída do desembarque. São duas e geralmente a fila é grande, pois muitos voos chegam no mesmo horário. Troque apenas o dinheiro necessário para a chegada em Havana, pois na cidade o câmbio geralmente é mais favorável.

.

Cambio de Moneda. CADECA do aeroporto José Martí.

 

A CADECA de Havana Velha fica na Calle Obispo e a de Vedado na Calle 23, próximo à sorveteria Coppelia. Será fácil encontrá-las.

Dica: os hotéis de Varadero e Cayo também trocam dinheiro, mas a cotação das CADECAs das cidades é melhor. Então, procure trocar o dinheiro antes de ir para o hotel na beira da praia. Importante: não troque dinheiro com terceiros, fora da casa de câmbio.

 

Caixa eletrônico

Poucos lugares aceitam cartão de crédito em Cuba. O bloqueio econômico imposto unilateralmente pelos EUA dificulta as transações bancárias. Você conseguirá usar cartão apenas para pagar hospedagem em resorts, no free shop ao deixar a ilha e nas compras de charutos nas lojas Casa del Habano. Talvez algum posto de gasolina aceite o pagamento com cartão ao abastecer o carro. Então, melhor não arriscar: leve dinheiro, Euros de preferência.

 

Cajeros Automáticos. Banco Metropolitano na Calle Obispo.

 

A boa notícia é que a ilha conta cada vez mais com "Cajeros Automáticos", onde é possível sacar dinheiro na moeda do turista, o peso convertible (CUC). Não esqueça de habilitar no Brasil, antes da viagem, o cartão para uso no exterior. Recomendamos levar dinheiro e sacar apenas se precisar em alguma emergência.

Existem caixas no aeroporto José Martí e nas principais áreas turísticas, como a da foto: Banco Metropolitano, na Calle Obispo #257, em Havana Velha.

 

 

WhatsApp Contato por WhatsApp